QUEM MATOU ROSEMARY? (Dublado) – 1981

THE PROWLER – 1981
TERROR – MISTÉRIO – THRILLER
DIREÇÃO: Joseph Zito
ROTEIRO: Glenn Leopold, Neal Barbera
IMDb: 5,9
http://www.imdb.com/title/tt0082951/

DUBLADO

Postado por Sparrow


Formato: AVI
Qualidade: DVDRip
Tamanho: 721 MB
Duração: 84 min.
Legendas: S/L
Áudio: Português
Servidor: 4Shared (dividido em 4 partes)

ATENÇÃO: Para baixar pelo 4Shared é necessário se cadastrar.
Clique aqui e aprenda a se cadastrar no 4Shared.


Parte 01: QUEM MATOU ROSEMARY?
Parte 02: QUEM MATOU ROSEMARY?
Parte 03: QUEM MATOU ROSEMARY?
Parte 04: QUEM MATOU ROSEMARY?

É noite de formatura na escola para garotas Avalon Bay. Este evento havia sido cancelado desde uma noite terrível há 35 anos atrás, quando a filha do major Chatham, Rosemary, foi encontrada empalada no parque. Pam, a editora do jornal da escola, descobre que o assassino brutal nunca foi preso e que agora, em 1980, ele está de volta mais sanguinário do que nunca. Pam também fica sabendo que Rosemary tinha um namorado veterano da Segunda Guerra Mundial, com quem ela havia terminado poucos dias antes de ser assassinada. Mas será que Pam fará descobertas ainda mais ensangüentadas do que estas? Quem Matou Rosemary? é uma obra prima do terror e um dos filmes do gênero slasher mais cultuados dos anos oitenta, contém um poderoso desempenho do famoso ator Farley Granger, que provou o seu talento no filme de suspense “Pacto Sinistro” de Alfred Hitchcock.


# país: EUA
# duração original: 89 min
# estúdio: Graduation
# distribuidora: Sandhurst

Um comentário para QUEM MATOU ROSEMARY? (Dublado) – 1981

PARTICIPE DA DISCUSSÃO, MAS ANTES DE COMENTAR CLIQUE AQUI E LEIA NOSSAS REGRAS DE COMENTÁRIOS. Saiba que todos os comentários são moderados, nós nos reservamos o direto de publicá-los ou não. É proibido divulgar endereço de sites, blogs, fóruns que não sejam de parceiros ou de colaboradores do Tela de Cinema. Nós não permitimos a publicação de links de arquivos nos comentários, para colaborar acesse o menu do blog e procure pela opção COLABORE CONOSCO, ou clique aqui. Nós não recomendamos a divulgação de emails nos comentários, faça isso por sua conta e próprio risco.