O PIRATA DE PORTO BELO (DUBLADO) – 1954

LONG JOHN SILVER – 1954
AÇÃO – AVENTURA – DRAMA
AUSTRÁLIA – EUA
DIREÇÃO: Byron Haskin
ROTEIRO: Martin Rackin
IMDb: 5,9
http://www.imdb.com/title/tt0047189/

DUBLADO

Postado por Tupak

 


Formato: AVI
Qualidade: 856 x 480, 1.679 Kbps
Tamanho: 1.26 GB
Duração: 103 min
Legendas: S/L
Áudio: Português
Servidor: Mega (Parte única)
Uploader: Tupak:


FILME: O PIRATA DE PORTO BELO


Esse filme é a sequência da Ilha do Tesouro de 1950 onde novamente em busca do tesouro, o pirata Long John Silver finge ajudar o governador a resgatar sua filha raptada por outro bucaneiro, que também mantém cativo o jovem Jim Hawkins. Mas é só um truque para obter um navio. Deliciosa produção do tipo sessão da tarde imperdível para os apreciadores do gênero.









Robert Newton … Pirata Long John Silver
Connie Gilchrist … Purity Pinker
Lloyd Berrell … Capt. Mendoza, ‘El Toro’
Grant Taylor … Patch
Rod Taylor … Israel Hands

6 comentários para O PIRATA DE PORTO BELO (DUBLADO) – 1954

  • ajfagion  DISSE:

    obrigado Tupak por disponibilizar belissimos filmes como esse

  • Adriano  DISSE:

    Não sabia que a ilha do tesouro teve uma continuação. Sessão de cinema para este domingo. Obrigado

  • Pauldanislva  DISSE:

    Ola amigo, cada filme um melhor que o outro, e ainda mais que coleciono filmes de piratas e aventuras. Mas este que foi postado é dublado e no site informa legendado. Tens por acaso ele legendado? Obrigado e vida longa ao blog.

  • Thiago  DISSE:

    Tupak tá mandando super bem. Obrigado marujo!

  • farra4ever  DISSE:

    Obrigado.

PARTICIPE DA DISCUSSÃO, MAS ANTES DE COMENTAR CLIQUE AQUI E LEIA NOSSAS REGRAS DE COMENTÁRIOS. Saiba que todos os comentários são moderados, nós nos reservamos o direto de publicá-los ou não. É proibido divulgar endereço de sites, blogs, fóruns que não sejam de parceiros ou de colaboradores do Tela de Cinema. Nós não permitimos a publicação de links de arquivos nos comentários, para colaborar acesse o menu do blog e procure pela opção COLABORE CONOSCO, ou clique aqui. Nós não recomendamos a divulgação de emails nos comentários, faça isso por sua conta e próprio risco.