JOSEF MENGELE (Dual Áudio) – 2003

MY FATHER, RUA ALGUEM 5555 – 2003
DRAMA – GUERRA
DIREÇÃO: Egidio Eronico
ROTEIRO: Egidio Eronico, Antonella Grassi ( +3 )
IMDb: 6,7
http://www.imdb.com/title/tt0293495/

DUBLADO – DUAL ÁUDIO

Postado por Fernando

 

Formato: MKV
Qualidade: DVDrip
Tamanho: 1,30 GB
Duração: 108 min.
Legendas (SELECIONÁVEL): Português
Áudios (SELECIONÁVEL): Português e Inglês
Servidor: Minhateca (em uma parte)
Uploader: Fernando

 

FILME (MINHATECA): JOSEF MENGELE

Senha para acessar a pasta: teladecinema.net

 

Um jovem homem, Hermann (Thomas Kretschmann), discretamente chega em Manaus para se encontrar com seu pai (Charlton Heston), que vive em uma casa limpa mas bem simples. O morador não quer chamar atenção, pois se trata de Josef Mengele, que é conhecido como o Anjo da Morte em razão dos cruéis experimentos que fez com os judeus em campos de concentração, usando até mesmo crianças e recém-nascidos como cobaias. Hermann tenta se comportar da forma mais normal possível, mas talvez isto seja impossível quando seu pai é o criminoso de guerra mais procurado do mundo.








Thomas Kretschmann … Hermann M.
Charlton Heston … The Father (Josef Mengele)
F. Murray Abraham … Paul Minsky
Thomas Heinze … Robert S.
Denise Weinberg … Magdalena Weinert
Odilon Wagner … Wolfgang Weinert
Camilo Beviláqua … Jens Keitel

 

# país: Itália / Brasil / Hungria
# duração original: 100 min.
# produção: Gam Film S.r.l. …
# distribuidora: A.B. Film…

 

4 comentários para JOSEF MENGELE (Dual Áudio) – 2003

  • Mauricio_PR  Disse:

    Bom dia!!

    Esse filme está com a dublagem clássica?

    Obrigado!

    • Fernando  Disse:

      Não sei informar precisamente. As vozes dos atores brasileiros, no entanto, são deles mesmos.

  • Mel Cruciol  Disse:

    Recomendado… Menos biografia… Mais desejo humano de justiça

    Interessante este filme… vale a pena conferir!
    Tem até o “Bardavid” dublador do “Wolverine” fazendo uma pontinha!
    Há muito tempo ele não aparecia na telona e na telinha…
    É um filme mal construído e meio despersonalizado, porém retrata uma
    biografia difícil, misteriosa e com uma problemática moral imensa.
    Charlton Heston magistral como sempre,Thomas K. o atormentado filho tbm fez a lição de casa direitinho.
    Não poderia faltar “Tropa de elite da Rede Globo”…
    Em suma: a sorte do Mengele foi ter vindo se esconder no “país da impunidade”
    e morrer numa “nice”… porque se fosse em qualquer outro canto do mundo o mínimo para ele seria “Morte por Empalamento.”

  • farra4ever  Disse:

    Obrigado.

Deixe uma resposta