INFIDELIDADE (Dublado) – 2002

UNFAITHFUL – 2002
DRAMA – ROMANCE – THRILLER
DIREÇÃO: Adrian Lyne
ROTEIRO: Claude Chabrol
IMDb: 6,7
http://www.imdb.com/title/tt0250797/

BDRip 1080p – DUBLADO

Postado por WaynEnterprises

Formato: MKV
Qualidade: BDRip 1080p
Tamanho: 1,76 GB
Duração: 125 min.
Legenda: S/L
Áudio: Português (Herbert Richers)
Servidor: Google Drive (Parte única)
Uploader: WaynEnterprises

Google Drive Download

SENHA: Compartilhar_Recordar_Tela_Cinema

Num subúrbio de Nova York, Connie Sumner (Diane Lane) leva uma vida feliz e segura ao lado de Edward (Richard Gere), com quem está casada há 11 anos, e seu filho Charlie (Erik Per Sullivan). Aparentemente nada poderia se interpor na felicidade do casal, mas o amor é posto à prova quando Connie esbarra com Paul Martel (Olivier Martinez), um belo sensual francês. Os dois se tornam amantes e são dominados por uma paixão que não para de crescer, e o sentimento de culpa começa a mudar comportamento de connie, e que começa a gerar suspeitas em Edward.

Curiosidades sobre Infidelidade

Maridos cotados

Os atores George Clooney e Bruce Willis estiveram cotados para interpretar o personagem Edward Sumner, antes do acerto com Richard Gere.

Dupla de sucesso

Este é o 2º filme em que Richard Gere e Diane Lane atuam juntos. Outras parcerias foram: Cotton Club (1984) e Noites de Tormenta (2008).

Nova versão de infidelidade

Refilmagem de A Mulher Infiel (1969).

Prêmios

OSCAR 2003
Indicação
Melhor Atriz – Diane Lane

GLOBO DE OURO 2003
Indicação
Melhor Atriz – Drama – Diane Lane

Diane Lane … Connie Sumner
Erik Per Sullivan … Charlie Sumner
Richard Gere … Ed Sumner
Olivier Martinez … Paul Martel

# país: EUA/Alemanha/França
# duração original: 124 min
# estúdio: Fox 2000 Pictures
# distribuidora: Twentieth Century Fox Film Corporation

8 comentários para INFIDELIDADE (Dublado) – 2002

  • alexandre329  Disse:

    irei baixar pra assistir, eu ja tinha assistido esse filme na globo e nao me lembrava o nome mas jurava que o marido traído era o Harrison Ford
    e nao encontrava em lugar nenhum,Edward (Richard Gere)fez certo, nao merecia aquele fim
    valeu WaynEnterprises

  • C,TaxiDriver  Disse:

    Mais um pra coleção, ainda não vi, Obrigado WaynEnterprises pela grande postagem 🙂

    • hinotojr  Disse:

      CTAXIDRIVER, esse filme é um clássico, como ainda não viu! Baixa logo para assistir!!!
      Digo o mesmo, vai pra coleção esse também! Ainda mais com a dublagem do Ricardo Schnetzer!
      😀

  • Thiago  Disse:

    Também vi na Globo na estreia. É um típico filme de Adrian Lyne, mais uma vez tratando do tema adultério e deixando muita gente com a pulga atrás da orelha. Destaque para a excelente dublagem da Herbert Richers com a sempre incrível interpretação de Ricardo Schnetzer. Valeu!

  • Uilian  Disse:

    Excelente filme, brigado WaynEnterprises por disponibilizar esse filme com essa otima qualidade, vlw

  • Claus  Disse:

    Obrigado WaynEnterprises por essa postagem, com alta qualidade. Grande elenco, com certeza quero ver. Vlw 😉

  • farra4ever  Disse:

    Obrigado.

  • Luciano S.L.  Disse:

    O filme do diretor Adrian Lyne (de Proposta Indecente, ótimo!!) prende você do começo ao fim, Com um tema bastante complicado e as consequências sérias que ele pode causar com os envolvidos. O filme é uma alerta fiel do que as traições podem causar… As atuações estão primorosas! Diane Lane sempre foi uma mulher linda e sensual! Finalmente, surgiu um filme que explorou bem isso. A dublagem da Herbert Richers, como sempre, encanta… A cena que Gere diz para Lane que sabia e sentia a traição da esposa é, para mim, a melhor cena do filme. Quando Gere mata Martinez, o filme surpreende demais. Mas ele não é culpado somente. Lane também é culpada. É um ótimo filme em todos os sentidos… Para que muitos (principalmente, àqueles que traem) prestarem bastante atenção do sério problema que é. Seria mais fácil terminar a relação com quem está compromissado e, partir de então, envolver-se com a amante. Mas, para mim, não gostei do final do filme (Muitos que gostaram vão discordar, eu sei…). Ficou a decisão do público, ele deveria ir para prisão ou seguir a sua vida encobrindo as pistas para não ser preso. Na minha opinião, O final seria assim: ele deveria ter encobrido as suas próprias pistas do assassinato e fizesse com que a esposa fosse a própria culpada. Seria um final surpreende… E mostrarei o lado bom e pior de Richard Gere. Poderia ter muitas discordâncias sobre esse final, mas para mim, seria bom e melhor. Enfim, agradeço muito WaynEnterprises, por ter repostado. Vida Longa ao Grande Tela de Cinema!!!

Deixe uma resposta