GRITO DE HORROR (Dual áudio/RMZ) – 1981

GRITO DE HORROR (Dual áudio/RMZ) – 1981
THE HOWLING – 1981
TERROR
DIREÇÃO: Joe Dante
ROTEIRO: Gary Brandner, John Sayles
IMDb: 6,6
http://www.imdb.com/title/tt0082533/

RMZ – DUAL ÁUDIO – DUBLAGEM CENTAURO

Postado por Don Costa


Formato: MKV
Qualidade: BRrip 720p, (1280*688) 1,85:1, Mpeg-4, Xvid, 24,000 fps, 4272 kbps
Tamanho: 3.14 GB
Duração: 90 min.
Legendas: Português / Inglês [selecionáveis]
Áudio: Português – RMZ [44,1 KHz, AC-3, 16 bits, 192Kbps, 2 canais] / Inglês [48,0 KHz, AC-3, 16 bits, 384kbps, 2 canais]
Servidor: 4Shared (sample de vídeo) Mega (dividido em 16 partes)
Uploader: Don Costa

ATENÇÃO: Para baixar pelo 4Shared é necessário se cadastrar.
Clique aqui e aprenda a se cadastrar no 4Shared.


SAMPLE* (amostra): GRITO DE HORROR
* Amostra de 30 segundos para verificação de qualidade.

Parte 01: GRITO DE HORROR
Parte 02: GRITO DE HORROR
Parte 03: GRITO DE HORROR
Parte 04: GRITO DE HORROR
Parte 05: GRITO DE HORROR
Parte 06: GRITO DE HORROR
Parte 07: GRITO DE HORROR
Parte 08: GRITO DE HORROR
Parte 09: GRITO DE HORROR
Parte 10: GRITO DE HORROR
Parte 11: GRITO DE HORROR
Parte 12: GRITO DE HORROR
Parte 13: GRITO DE HORROR
Parte 14: GRITO DE HORROR
Parte 15: GRITO DE HORROR
Parte 16: GRITO DE HORROR

Karen White, é uma jovem apresentadora de um telejornal, que vai atrás de uma entrevista com um assassino. Depois do encontro com o tal, Karen, fica traumatizada com os fatos chocantes que o assassino revela e começa a sofrer de amnésia traumática e viaja com seu marido. Longe da cidade, o casal se refugia em uma comunidade do interior. O grande problema é que os nativos dessa pequena aldeia tem algo a esconder.







# país: EUA
# duração original: 91 min
# estúdio:
# distribuidora:

37 thoughts on “GRITO DE HORROR (Dual áudio/RMZ) – 1981

  1. Don amigão, conferi a amostra de video que você deixou aqui no post, mas nela não há falas, portando não tirei a dúvida que vou lhe perguntar agora: A dublagem é a mesma que passava no SBT ou seja da Herbert Richers? Ou é a redublagem do DVD que é da Centauro?

    • Amigo Ed.
      Esqueci de informar. Essa é a redublagem da Centauro.
      Não sabia que o filme possuía mais de uma dublagem. Fiquei mais focado na qualidade da imagem
      Agora fiquei curioso. Vou procurar esse áudio da Herbert Richers e atualizar essa postagem.
      Grande abraço.

    • Oi Camilapic.
      Embora este estilo de filme não seja o seu preferido, talvez até você goste. Não é apenas mais um filme de lobisomens. Ele tem uma boa história. Ao lado de “Um Lobisomem Americano em Londres” (1981) e “Bala de Prata” (1985) é considerado por boa parte dos amantes do gênero um dos três melhores filmes do cinema sobre lobisomens.
      Baseada no romance homônimo de Gary Brandner, o filme tem drama, suspense e pitadas de romance.
      Mas, talvez, o grande mérito do filme seja o extraordinário trabalho de maquiagem e efeitos especiais que marcaram a sua época. Tão bons quanto os de “Um lobisomem Americano em Londres”, lançado no mesmo ano, mesmo com um orçamento restrito.
      Isso não se deu por acaso. Ricky Baker, responsável pelos efeitos em “Um Lobisomem Americano em Londres” trabalhou por alguns dias em “Grito de Horror”, antes de ter de deixar as filmagens, pois havia se comprometido com John Landis em trabalhar em seu filme assim que fosse dado o sinal verde para sua produção. Ele só não esperava que a produção do filme de Landis fosse aprovada tão cedo. Mas, ao sair, deixou a continuação de seu trabalho nas mãos do igualmente talentoso Rob Bottin, responsável por outros trabalhos excelentes como em “Enigma de outro Mundo” (1982) de John Carpenter.
      Ricky Baker é creditado no filme como consultor.
      O elenco também dá um show à parte. Dee Wallace, Patrick Macnee, Robert Picardo e o saudoso John Carradine, só para citar alguns, garantem a qualidade das atuações.
      Enfim, é um clássico que marcou época e continua superior à grande maioria dos filmes atuais do gênero.
      Para quem gosta da estética dos filmes das décadas de 70 e 80, vale a pena assistir.
      Grande abraço.

    • Oi Alainstair.
      Esse filme só não foi postado em tri áudio por que eu cometi o erro de não pesquisar a fundo sobre essa produção. Eu sempre gosto de postar filmes com a maior quantidade de informações possível.
      Desta vez eu fiquei focado na qualidade da imagem, visto que a qualidade das imagens disponíveis na internet não eram tão boas, e não pesquisei a fundo a questão do áudio. Além disso todas as cópias que eu tinha encontrado possuía a mesma dublagem. Como eu tinha assistido à esse filme há muito tempo atrás, não consegui identificar que a dublagem que postei era a mais recente.
      Mas já estou procurando esta dublagem clássica. Até já encontrei um link que possivelmente teria esta dublagem, já que se tratava de um tvrip. Porém era do extinto megaupload e já estava fora do ar.
      Quando encontrar esta dublagem farei uma atualização nesta postagem.
      Caso algum amigo do Tela encontre esse áudio em algum lugar, não importando a qualidade, por favor avise-me. Terei imenso prazer em remasterizar novamente este filme em três áudios.
      Um abraço.

    • Olá amigo Gilberto.
      Lembra-se daquela música que estava tocando em algum momento importante da sua vida? Aquele maravilhoso amasso na primeira namorada (a primeira a gente nunca esquece), as primeiras aulas de direção com o pai ou o irmão mais velho, aquela viagem inesquecível…
      Pois é. A música nem era tão boa assim, mas marcou um momento muito importante na sua vida, e esse momento gostoso é revivido cada vez que você ouve tal música.
      Pois bem. Com alguns filmes acontece a mesma coisa. Alguns filmes também marcam a infância de muitos, pois foram assistidos em um período marcante na vida da pessoa. Ela assiste ao filme e revive este momento. Até por isso os remakes falham com parte do público.
      Pense comigo. Estamos em 1981. Você saiu do cinema em que assistiu Fúria de Titãs com seus pais, passou naquele shopping gigantesco que acabou de abrir (novidade na época) e ganhou o presente que tanto queria. Pronto. O filme, com todos os seus aspectos originais, estão gravados, para sempre em sua memória. E, com ele, estão gravadas todas as boas sensações daquela noite. Talvez o filme nem tenha sido tão bom assim, mas o conjunto daquele dia torna-o perfeito. Anos depois, um remake melhorado (há controversas) é lançado nos cinemas. Mesmo com todos os avanços da tecnologia o filme não consegue te conquistar. E nem poderia. Faltou o restante daquela noite inesquecível. Você já não é mais criança e as suas expectativas não são mais tão fáceis de serem alcançadas. O filme decepciona. Ele não chega nem perto daquela produção impecável dos anos 80 que será, para sempre (pelo menos pra você), a versão definitiva daquela história.
      Mas, assim como a música interpretada por outro cantor que não seja o original não tem o mesmo impacto, um filme sem aquela dublagem que marcou a época de quem assistiu, também não.
      Um caso bem significativo é o de Guerra nas Estrelas (1977). Muitos dos fãs do filme dizem que a dublagem original é muito inferior tecnicamente ao da redublagem (não sei se tem mais do que uma redublagem). Mesmo assim, eles preferem assistir sempre a dublagem original, pois estes filmes deixaram de ser simples filmes. São máquinas do tempo que remetem a pessoa à uma época que não existe mais. É o conjunto da obra, como uma válvula de escape onde ela relaxa e revive duas horas de um passado marcante.
      Para elas, a dublagem original é muito importante, assim como é gratificante para mim proporcionar-lhes estes momentos.
      Um dos filmes que postei aqui com dublagem clássico foi “Labirinto-A magia do tempo” – http://teladecinema.net/labirinto-a-magia-do-tempo-tri-audio-1986/. O áudio não estava 100%, mas veja os comentários da amiga Ihnatali sobre eles.
      Esse é um dos diferenciais do Tela de Cinema. Não é só postagem de filmes. É a divulgação de arquivos raros e originais, remasterizados ou não.
      Muitos dos filmes, séries e trilhas postados aqui podem ser encontrados facilmente em outros lugares. “Grito de Horror” também. Mas com as informações adicionais (dois, três ou mais áudios, remasterizações, curiosidades, etc) são poucos os lugares além daqui e dos blogs parceiros.
      Eu não sei a sua idade, mas tenho certeza de que, muito em breve, você se pegará procurando no youtube cenas daquela série, desenho, filme ou seriado de que gostava quando criança. Mesmo que seja apenas a introdução, com imagem ruim e tudo.
      Aí vai ser uma viagem, cara!
      E você vai gostar muito.
      Um grande abraço.

      • SENSACIONAL DON!!!!!…NESTE CASO, COMO P/ MIM ESTE FILME NÃO TÊM OU TEVE TODOS OS INGREDIENTES QUE VC CITOU, O MAIS IMPORTANTE NESTA POSTAGEM ESTA SENDO SEUS COMENTÁRIOS!!!!…INCRÍVEL SUA HABILIDADE COM AS PALAVRAS!!!…PARABÉNS!!…E PARABÉNS PELA POSTAGEM TMB..COM CERTEZA VOU CONFERIR O FILME QUE TE INSPIROU NESTE MOMENTO!!…ABRAÇÃO MARUJO IRMÃO!

        • Grato pelo apoio, Marcos.
          Mas o estilo de escrita reflete, apenas, a minha escolha em usar exemplos para explanar meus pontos de vista. Acho que sou compreendido mais facilmente dessa forma.
          Quanto ao filme em questão, referindo-se à Fúria de Titãs, a versão de 1981 pode ser conferida aqui mesmo no Tela.
          Ele já está na fila de remasterizações em HD nas quais estou trabalhando, porém sem previsão de postagem.
          Grande abraço.

          • VALEUU DON…FÚRIA DE TITÃS E UM DAQUELES FILMES QUE CONSIDERO MUITOOO E TENHO(QUE ME LEMBRO) UMAS 6 CÓPIAS AQUI ….”DE TODO TIPO DE PELO “….RSRSRSRS(EXPRESSÃO DA TERRA)…DVDR, DVDRIP, HD, FULLHD(RMZs)…NA REAL TENHO TODOS OS FILMES(QUE CONHEÇO) COM OS EFEITOS DO MESTRE DO STOP MOTION R. HARRYHAUSEN!!…ESPERO APENAS AS DUBLAGENS DE 2 DELES QUE CONFESSO NÃO TER CERTEZA SE ALGUM DIA AS CONSEGUIREI…O QUE É UMA PENA PQ COMO NO SEU TEXTO DIZ APENAS COM ESTAS DUBLAGENS A PASSAGEM ESTARÁ COMPLETA PRO TRANSPORTE NO TEMPO!!!…ASSIM COMO VÁRIOS OUTROS… E OUTROS QUE ESTÃO COMPLETOS E POR ISSO NÃO POSSO RECLAMAR PQ FREQUENTEMENTE FAÇO ESTAS VIAGENS NO TEMPO!!!…FILMES, SEM SOMBRA DE DÚVIDAS, NA VIDA DE UM CINÉFILO, MARCAM A LINHA DO TEMPO!!!!…ABRAÇÃO MARUJO IRMÃO!

    • Grande LeMMy.
      Recomendo que, quando tiver um tempinho, assista em sequência “Grito de Horror”, “Um Lobisomem Americano em Londres” e “Bala de Prata”. Todos disponíveis aqui no site.
      É incrível o que eles conseguiam fazer com tecnologia restrita e orçamento mais restrito ainda.
      Fico me perguntando se o avanço da tecnologia não acabou podando a criatividade dos realizadores. Só não generalizo porque filmes bem feitos como “Avatar” mostram que é possível, sim, unir tecnologia e criatividade.
      Abraços.

    • Trampo feito com tanto prazer quanto o que você teve ao produzir suas excelentes postagens, Scarface. Especialmente as postagens dos filmes produzidos nos anos 80.
      Realmente foi uma época sensacional para o cinema.
      Grato pelas palavras.
      Grande abraço.

  2. Acredito que o mais importante é a forma de mostrar o trabalho esmerado dessa galera que remasteriza, Don foi perfeito nas palavras… Esse trabalho meticuloso que vcs fazem incluindo tres ou mais audios, legendas, imagens perfeitas, não tem preço! A felicidade realmente é imensa quando abrimos a pagina e vemos um filme que tanto gostamos, que foi lançado em blu ray apenas com audio original e aqui disponiblizam além do ingles, dois audios em portugues e legendas selecionaveis!!! Parabéns mais uma vez!

  3. este filme tem uma de-sincronia loa pelo meio, não estou reclamando so estou informando ao Don Costa, pois futuramente se ele for investir no trabalho novamente pra adicionar as outras duas dublagens vai ficar mais bacana ainda, olha a dublagem clássica é HERBERT RICHERS e no dvd da Flash Star existe a terceira e diferente da Centauro a qual não estou lembrando o estúdio agora.

    • Oi Ana.
      Muito obrigado pelo aviso.
      Às vezes esses erros acabam passando porque eu utilizo programas amadores para remasterizar. São programas limitados com poucos recursos automáticos, fazendo com que o processo seja feito todo manualmente, segundo à segundo. Como geralmente os áudios-base estão fora de sincronia e ainda possuem cortes, eles precisam ser ajustados em toda a sua extensão. Ao longo de duas horas de filme podem ocorrem falhas.
      Mas elas serão consertadas quando eu trabalhar nele novamente, como fiz em “O Feitiço de Áquila”.
      Estou em busca do áudio clássico e nem sabia deste terceiro.
      Assim que encontrá-los eu refaço toda a remasterização.
      Quem sabe até lá eu já tenha programas melhores.
      Grato pelo aviso e pela informação da existência do terceiro áudio.
      Um grande abraço.

  4. Olá Administrador do Site, quero agradecer antes de tudo pelo site sensacional de filmes, jóias raras do cinema. Estou tendo problema com este filme, baixei todas as partes mas elas aparecem como criptografadas, aliás isso acontece em todos os filmes do servidor Mega que estão postados neste site. Talvez eu seja novato e esteja fazendo algo errado… se puder dar uma ajuda ficaria agradecido ! Abraço !

    • denisricardo

      SÃO PARTES “RAR”, PRECISA TER O PROGRAMA WINRAR INSTALADO NA SUA MÁQUINA(PC). DEIXE TODAS AS PARTES, JUNTAS, NA MESMA PASTA.
      DEPOIS COM 2 CLIQUES EM UMA DAS PARTES VC ABRIRÁ PARA EXTRAIR O ARQUIVO (FILME). NA EXTRAÇÃO TERÁS QUE USAR A SENHA teladecinema.net

      OBS: VIA DE REGRA COLOCAMOS A SENHA, QUANDO EXISTE, LOGO ABAIXO DOS LINKS.

      BOA SORTE AMIGO, ABRAÇÃO!

Deixe um comentário