ESSA PEQUENA É UMA PARADA (1080p/Dual Áudio) – 1972

What’s Up, Doc? (EUA) – 1972
Comédia – Romance
Direção: Peter Bogdanovich
IMDB: 7,8 http://www.imdb.com/title/tt0069495/

Imagem

BRRip – 1080p – RMZ – Dual Áudio – Dublagem Clássica Herbert Richers

Postado por Julian

DADOS DO ARQUIVO:

Formato: MKV
Qualidade: BRRip (1920p x 1080p)
Tamanho: 2.26 GiB
Duração: 1h 33 min
Áudio 1: Português (Dublagem Clássica Herbert Richers) – AC-3, 2.0 Ch.
Áudio 2: Inglês – AAC, 1.0 Ch
Legendas: Português, Espanhol e Inglês (selecionáveis)
Servidor: 4Shared (3 partes – Arquivos RAR)
Áudio dublado cedido por: Mopho Digital
Remasterizador e Uploader: Julian

LINKS:

Pasta com arquivos: 4shared

Senha: RMZbyJULIAN

NOTAS DO UPLOADER:

– Áudio dublado com ótima qualidade extraído de gravação do filme exibido no TCM. Dublagem completa com locução original no título e créditos Herbert Richers.

– Agradecimento a Mopho Digital que gentilmente enviou o TVRip possibilitando essa RMZ.

– Boa sessão, marujos!

SINOPSE:

O musicólogo Howard Bannister (Ryan O’Neal) viaja até São Francisco com a noiva, Eunice Burns (Madeline Kahn), para tentar obter uma bolsa de 20 mil dólares. Porém suas chances parecem diminuir bruscamente,quando encontra uma jovem, Judy Maxwell (Barbra Streisand), que transforma em caos qualquer lugar que passe. Além disto uma bagagem trocada provoca mais confusão com o sumiço de documentos secretos e jóias.

CURIOSIDADES:

– Inspirado no gênero “Comédia Maluca” (screwball comedy) popular nos anos 30 e 40, especialmente em ‘Levada da Breca’ (1938).

– Como seu papel foi inspirado no professor interpretado por Cary Grant em ‘Levada da Breca’, Ryan O’Neal se encontrou com Grant. O único conselho que ele recebeu foi que usasse cueca de seda.

– O papel de Barbra foi inspirado nos interpretados frequentemente pela atriz Carole Lombard.

– O diretor Peter Bogdanovich fez Ryan O’Neal e Barbra Streisand assistirem a ‘As Três Noites de Eva’ (1941) para se prepararem para o filme.

– O filme traz referências que são um prato cheio para cinéfilos mais atentos, como o título em homenagem ao coelho Pernalonga ou a clássica frase do filme ‘Love Story’ (1970), desta vez dita em tom de deboche por Judy (Barbra): “Amor significa nunca ter que dizer que você está arrependido”. Obs.: ‘Love Story’ foi um grande sucesso também protagonizado por Ryan O’Neil que vivia na década de 70 sua melhor fase na carreira, sendo considerado um dos grandes galãs do período.

– Outra sacada também retirada de outro filme foi a famosa sequência de perseguição final, que dura 11 minutos, inspirada em Bulllitt (1968). Essa sequência, aliás, foi a mais complicada para ser realizada, porque exigiu 19 dias tumultuados de filmagens, um tornozelo quebrado de um dublê, 32 dublês e cerca de 1/4 do orçamento comprometido.

– Um dublê foi usado no lugar de Barbra Streisand em suas longas cenas na bicicleta.

– Este é o 1º de dois filmes em que os atores Ryan O’Neal e Barbra Streisand atuaram juntos. O posterior foi ‘Negócios com Mulher Nunca Mais’ (1979).

– Após ler a primeira versão do roteiro, Barbra Streisand disse que não queria fazer o filme, achando que não era engraçado e seria um fracasso. O diretor Peter Bogdanovich convenceu Barbra e Ryan O’Neal a confiarem nele. Após o roteiro ser reescrito Streisand continuou insatisfeita. Anos depois ela disse que nesse filme “ela foi apenas uma atriz contratada, simplesmente seguindo ordens”.

– Inicialmente desacreditado, até mesmo pela equipe que não esperava muito por algum sucesso, ‘Essa Pequena é Uma Parada’ acabou se tornando um dos maiores hits daquele ano, ficando atrás somente de ‘O Poderoso Chefão’ (1972) e ‘O Destino do Poseidon’ (1972) nas bilheterias.

ELENCO:

Barbra Streisand … Judy Maxwell
Ryan O’Neal … Howard Bannister
Madeline Kahn … Eunice Burns
Kenneth Mars … Hugh Simon

12 comentários para ESSA PEQUENA É UMA PARADA (1080p/Dual Áudio) – 1972

  • Falcao_Negro  Disse:

    Muito obrigado por mais essa ótima postagem Julian!

    Abraço.

    • Julian  Disse:

      Disponha, Falcao_Negro! Por questão de tempo não estou tão assíduo nas postagens como eu gostaria, mas estou sempre marcando presença aqui no Tela de Cinema e a qualquer momento apareço com alguma novidade. Abs! 🙂

  • Ricardo B Gabrig  Disse:

    Julian e Mopho Digital
    Sou fã da Barbara por uma série de predicados que ela possui, principalmente a vertente de comediante.
    Obrigado a ambos pelo resgate!

    • Julian  Disse:

      Também gosto da Barbra, ela tem vários filmes bons em sua filmografia, geralmente curto os filmes protagonizados por ela, seja drama ou comédia. Logo estarei disponibilizando mais algumas raridades dubladas dela e aos poucos vamos ‘completando a coleção Barbra Streisand’ aqui no Tela.
      Valeu pelo comentário Ricardo. Abs! 🙂

  • bruno anselmo menezes  Disse:

    valeu julian pela bela remasterização,vai ter mais remasterizações da Barbra,já baixei as outras remasterizações dela ficou 10,obrigado marujo.

    • Julian  Disse:

      Vai sim, bruno, em breve postarei mais alguns inéditos da Barbra aqui no Tela, um deles é “Nosso Amor de Ontem” (1973) em 1080p com dublagem clássica da Herbert Richers.
      Também darei continuidade às RMZs dos filmes da Bette Midler, outra diva cantora que também tem muita coisa legal no currículo de atriz.
      Grato pelo comment. 😉

  • Julian  Disse:

    Pessoal, reupei o filme, pois as legendas em português VobSub não carregavam na TV (aqui na minha LG pelo menos não), agora estão em srt e carregando normalmente quando selecionadas. Melhorei um ponto de sincronia também (umas batidas à porta levemente dessincronizadas). Caso queiram o filme com essas pequenas mudanças é só baixá-lo novamente, mas são detalhes pouco relevantes em relação a versão previamente postada. Coisa de perfeccionista que não quer deixar passar nenhum defeitinho, hehe… Desculpem qualquer inconveniente. Abraços! 😉

    • C,TaxiDriver  Disse:

      Julian, minha TV (LG 50 polegadas) também não reconhece legendas selecionáveis, somente legendas separadas. Mas à minha TV que fica no quarto (PANASONIC 32 polegadas) funciona, tanto legendas selecionáveis, quanto legendas separadas. Testei em outras duas marcas, uma TV Sony 32 polegadas e em uma Samsung 42 polegadas e as duas funcionaram os dois tipos de legendas. Dessa forma, acredito que esse probleminha é somente em TV’s da marca LG.

      • Julian  Disse:

        Então é problema das TVs LG mesmo. Tenho 2 dessa marca, a 47″ lê as legendas embutidas selecionáveis numa boa, mas não carregou a VobSub. A outra de 32″ é o contrário: não lê as .srt embutidas mas leu a VobSub amarela. Baita bagunça, hehe…
        Vou seguir usando a costumeira SRT nas próximas remasterizações e quem sabe passo a disponibilizá-las também em avulso, pq separadas não tem treta.
        Valeu pelo feedback sobre o assunto, amigo. T+

  • C,TaxiDriver  Disse:

    Excepcional Julian, esse filme era uma raridade. Vê-lo dublado e com essa qualidade não tem preço. Valeu !!!

    Agradeço também ao Mopho Digital pelo áudio. !!!!

    • Julian  Disse:

      Valeu C,TaxiDriver. Estamos aí, sempre na área! Contando com a contribuição de gente legal como Mopho Digital para termos esses clássicos com suas deliciosas dublagens aqui no Tela. Falando em contribuição, tenho alguns na fila de postagem já ‘remasterizados’ com áudios preciosos cedidos por você. ‘Vamo que vamo’! Abraço! 🙂

  • farra4ever  Disse:

    Obrigado.

Deixe uma resposta