DEPOIS DO VENDAVAL (1080p/Dual Áudio) – 1952

The Quiet Man (EUA) – 1952
Comédia – Drama – Romance
Direção: John Ford
IMDb: 7,9 http://www.imdb.com/title/tt0045061/

Image

1080p – BRRip – Rmz – Dual Áudio

Postado por Julian

DADOS DO ARQUIVO:

Formato: MKV
Qualidade: BRRip (1488 x 1080 pixels)
Tamanho: 2.32 GiB
Duração: 2h 9min
Áudio 1: Português (Dublagem Álamo) – AC-3, 2.0 Ch.
Áudio 2: Inglês – AC-3, 1.0 Ch.
Legendas: Português, Inglês, Espanhol
Servidor: 4Shared (3 partes – Arquivo RAR)
Remasterizador e Uploader: Julian

NOTA DO REMASTERIZADOR:

– Essa postagem é um tributo a Maureen O’Hara que faleceu recentemente (24/10/2015), aos 95 anos. Uma bela e talentosa atriz que protagonizou mais de 50 filmes e deixou sua marca como um autêntico ícone da era de ouro do cinema de Hollywood, brilhando nos anos 40 e 50. Depois do Vendaval é um de seus filmes mais famosos e um dos melhores, sua atuação como a impetuosa Mary Kate é um perfeito exemplo do talento da atriz e também de sua beleza (a estrela ruiva chegou a ser considerada a mais bonita do mundo). Era o filme favorito da atriz. Nada mais apropriado para reverenciá-la que prestigiando um de seus trabalhos mais marcantes! Boa sessão, marujos!

– Sobre essa RMZ, o áudio dublado foi obtido de um VHS (gravei esse filme nos anos 90 quando exibido na TV Record). A qualidade estava razoável, dei uma melhorada (amenizei chiados, ruído etc.), mas optei por utilizar na edição o áudio original do BDRip nas cenas sem diálogos. Os ‘cortes’ são na maioria sutis / imperceptíveis. O resultado é um áudio misto de qualidade OK.

– Quanto ao video, fiz um Reencode de um arquivo BDRip de 8 Giga para um tamanho mais acessível, mas a imagem está excelente… E que fotografia deslumbrante em belíssimo technicolor!

LINKS:

parte 1:
Download
parte 2:
Download
parte 3:
Download

Senha: RMZbyJULIAN

SINOPSE:

Atormentado por erros do passado, o boxeador Sean Thornton (John Wayne) decide voltar à sua cidade natal, na Irlanda. Ele logo fica encantado com Mary Kate Danaher (Maureen O’Hara), uma jovem linda, pobre e impetuosa. O principal empecilho do relacionamento é o irmão da garota, Will Danaher (Victor McLaglen), valentão da região que não gosta nem um pouco de Sean.

ELENCO:

John Wayne … Sean Thornton
Maureen O’Hara … Mary Kate Danaher
Barry Fitzgerald … Michaleen Oge Flynn
Ward Bond … Father Peter Lonergan
Victor McLaglen … Squire ‘Red’ Will Danaher
Mildred Natwick … The Widow Sarah Tillane
Francis Ford … Dan Tobin
Eileen Crowe … Sra. Elizabeth Playfair
May Craig … Fishwoman with Basket at Station
Arthur Shields … Reverend Cyril Playfair
Charles B. Fitzsimons … Hugh Forbes
James O’Hara … Father Paul
Sean McClory … Owen Glynn
Jack MacGowran … Ignatius Feeney

CURIOSIDADES:

– Segundo filme em que John Wayne e Maureen O’Hara foram um par romântico. A primeira vez foi em Rio Bravo (1950), também dirigido por John Ford. O casal atuou junto em 5 filmes.

– Um dos beijos mais antológicos da história do cinema (quando ao tentar escapar de um casebre Maureen O’Hara é puxada de volta para dentro e, em seguida, para os braços e os lábios de John Wayne). A sequência mereceu uma homenagem do cineasta Steven Spielberg em “E.T.”, que a recriou comicamente com o menino protagonista do filme numa sala de aula.

– Na famosa cena do primeiro beijo entre Maureen O’Hara e John Wayne ela dá um tapa em seu rosto. Quando ele bloqueou o golpe, ela quebrou um osso na mão. Uma vez que o filme estava sendo filmado em ordem sequencial, ela não pôde usar um gesso para fixar o osso quebrado.

– Victor McLaglen estava com 64 anos e em más condições de saúde no momento das filmagens, então sua luta com John Wayne teve que ser filmada com muito cuidado.

– John Wayne e John Ford decidiram pregar uma peça em Maureen O’Hara durante as filmagens. Eles escolheram a sequência em que Wayne arrasta O’Hara por toda a cidade e pelos campos. Antes de filmar a cena, Wayne e Ford chutaram todo o esterco de ovelha que poderiam encontrar para a colina onde O’Hara seria arrastada. O’Hara os viu fazendo isso e com a ajuda de vários amigos, ela chutou o esterco para fora, mas Wayne e Ford chutaram novamente. O’Hara e seus amigos chutaram de novo, e Wayne e Ford chutaram-no de volta. E assim foi até logo antes da cena ser filmada, quando Wayne e Ford obtiveram o último chute. De acordo com O’Hara, “Duke (Wayne) se divertiu imensamente me arrastando pelo campo. Foi terrível. Depois que a cena acabou, Sr. Ford tinha dado instruções de que não me trouxessem um balde de água ou uma toalha. Ele me fez ficar suja o resto do dia. Eu estava furiosa, mas eu tive que rir também. O showbiz não é glamuroso? “

– Verde, a cor nacional da Irlanda, pode ser visto em algum lugar em todas as cenas neste filme, mas não nos figurinos dos atores, exceto o vestido floral de Maureen O’Hara na cena do cemitério.

– John Wayne estava com 44 anos quando fez o filme, mas seu personagem Sean Thornton supostamente tinha 35.

– Charles B. Fitzsimons (Hugh Forbes) e James O’Hara (Padre Paul) eram irmãos mais jovens na vida real de Maureen O’Hara (Mary Kate Danaher).

– Como Maureen O’Hara estava com 31 anos e Victor McLaglen quase 65, muitos críticos acharam que ele devia ter feito o papel de pai, em vez de seu irmão.

– Na cena em que John Wayne descobre Maureen O’Hara em sua casa de campo, o vento soprava seu cabelo tão ferozmente em seu rosto que ela ficava apertando os olhos. John Ford gritou com ela na linguagem mais forte para abrir os olhos. “E o que um careca filho da puta sabe sobre cabelo chicoteando nos olhos?” ela gritou de volta.

– John Wayne dirigiu a sequência da corrida de cavalos enquanto John Ford estava doente.

– De acordo com uma entrevista no Los Angeles Times em 28 de outubro de 2000, Maureen O’Hara contou que ela, John Ford e John Wayne fizeram um acordo com aperto de mãos em 1944 para fazer o filme. Quando Ford lançou a idéia para os produtores de Hollywood, foi-lhe dito que era uma “história irlandesa boba que não ia fazer um centavo.” Wayne tinha um contrato com a Republic Pictures e aproximou-se do chefe de estúdio Herbert J. Yates a quem havia sido dito que o roteiro era um conto irlandês parvo que não faria nenhum dinheiro. No entanto, Yates cederia se Wayne, Ford e O’Hara em conjunto fizessem um Western para a Republic, um sucesso garantido que iria pagar as perdas esperadas pelo estudio se investisse em Depois do Vendaval. O filme feito como resultado do acordo foi Rio Bravo (1950).

29 comentários para DEPOIS DO VENDAVAL (1080p/Dual Áudio) – 1952

  • maninho13  DISSE:

    Julian
    John Wayne é imperdível. Obrigado

    • Julian  DISSE:

      Concordo maninho13, quase todo filme com John Wayne é uma boa ‘sessão de cinema’ garantida. 🙂

  • Cine Eldorado  DISSE:

    Valeu Julian, eu tinha um mp4 meia boca desse filme e casualmente planejava vê-lo hoje, mas para minha surpresa…

    • Julian  DISSE:

      Que coincidência hein, Cine Eldorado… Mas que bom poder ver o filme com a qualidade de imagem digna que ele merece, é outra coisa… 🙂

  • cidadaok  DISSE:

    Julian, muito obrigado por postar esse belo clássico.
    Sou grande fã da Maureen O’Hara e adoro este filme do mestre John Ford.
    Grande abraço.

    • Julian  DISSE:

      Também sou fã da Maureen O’Hara e nesse filme ela parece ter aproveitado muito, tanto que era o trabalho favorito da atriz. Difícil escolher um só filme entre tantas obras-primas de John Ford mas esse com certeza merece lugar de destaque entre os melhores na filmografia do diretor, eu também adoro o filme. Valeu pelo comentário! 🙂

  • antonio8808  DISSE:

    Muito obrigado.

  • C,TaxiDriver  DISSE:

    Muito bom Julian, realmente a Maureen O’Hara foi literalmente uma bela atriz, que descanse em paz !

    Sobre o filme, também já tinha, mas com qualidade bem ruizinha, e agora terei com excelente qualidade, Obrigadão !!! 🙂

    • Julian  DISSE:

      Na verdade eu não assisti muita coisa com a Maureen O’Hara, mas nesse Depois do Vendaval ela ganhou meu coração, rsrs…
      Pois é, C,TaxiDriver, a qualidade desse filme era ‘sofrida’ nas versões DVD, mas o Blu-Ray ficou show… Se a versão que você já tinha aí é a mesma que eu, então foi um ‘upgrade’ e tanto… Valeu pelo comment. Abração! 🙂

  • raffamg  DISSE:

    ola;
    parabens pela postagem!!
    pena q é uma redublagem!!
    obrigado

    • Julian  DISSE:

      Oi raffamg, você sabe qual é o estúdio que fez a dublagem original?
      No site Dublanet só vi referência a essa da Álamo… :/

  • falcao666  DISSE:

    Excelente filme, Wayne mandando bem em outro gênero de filme e não faroeste, paisagens linda da Irlanda, que lugar bonito, parabéns pela postagem Julian de primeira qualidade.

    • Julian  DISSE:

      Verdade, falcao666, é um filme bem pouco usual na carreira do John Wayne que ficou tão famoso pelos faroestes. E é muito legal vê-lo numa ‘comédia romântica’, ele parece ter se divertido muito com o filme… E as paisagens na Irlanda são realmente uma atração a parte desse belo filme. Valeu pelo comentário! 🙂

  • Julian  DISSE:

    Há alguns anos eu fiz uma RMZ desse filme, chegou a ser disponibilizado no Tela, mas a qualidade de imagem era bem precária pois as versões em DVD deixavam muito a desejar, imagina compactado em DVDrip Avi… Felizmente o filme foi lançado em Blu-Ray e a qualidade é fantástica, então decidi pegar o áudio direto da VHS novamente e refazer totalmente a RMZ… Em comparação com a versão que lancei tempos atrás essa ficou bem superior… E agora numa qualidade de imagem digna da beleza visual do filme é ‘outra experiência’ revê-lo com tanta riqueza de cores e detalhes… 😉

  • jefspfc  DISSE:

    parece ótimo! baixando pra assistir ja 19h de hj 😉

    • Julian  DISSE:

      É sim jefspfc, filme leve e divertido que, apesar de antigo, envelheceu muito bem e é um prazer ver ou rever. 🙂

  • raffamg  DISSE:

    ola;
    acho q dublagem é da peri filmes rj;to tentando achar minha copia aqui em casa;
    alias, faz tempo q to querendo achar um jeito de liberar uns filmes pra vcs;tenho muitas reliquias;mas nao tenho tempo ,nem computador bom pra ficar fazendo upload e enviar via computador;
    minhas copias estao quase todas em dvd-r;
    obrigado

    • jefspfc  DISSE:

      da pra ripar/upar só o mp3. leva 5min e nem 120mb de tamanho

    • Julian  DISSE:

      Valeu raffamg, se é Peri deve ser beeem antiga mesmo essa dublagem, agora fiquei curioso!
      E upar filmes realmente demanda tempo e uma boa máquina/internet mas, mesmo que demore, qualquer compartilhamento sempre é válido e bem-vindo…
      Uma alternativa seria enviar apenas o áudio, pois o arquivo é bem menor e o upload é rapidinho, aí deixa na mão dos remasterizadores do Tela a sincronia com imagem em boa definição…
      De qualquer forma, fico na torcida para que vc possa compartilhar alguma dessas relíquias conosco. Abraço. T+

  • lilbarby  DISSE:

    UAU !! Parabens Julian 🙂 obrigado pela dublagem !

    • Julian  DISSE:

      Disponha! Bom que curtiu essa minha contribuição para o ‘acervo’ de clássicos do Tela de Cinema. Até a próxima. 🙂

  • farra4ever  DISSE:

    Obrigado.

  • Gabrig  DISSE:

    Julian

    Este é um dos raros filmes que te deixam com o “espirito leve” após assisti-lo. Divertido, emocionante e ver John Wayne, a linda Maureen O’Hara e o divertidíssimo Victor McLaglen é realmente um grande presente! Já tinha uma cópia gravada do TCM, que assisti há cerca de uns quatro ou cinco anos, que obviamente não se compara ao seu ótimo trabalho. Assim que possível vou baixa-lo para rever esta pérola.
    Obrigado!

    • Julian  DISSE:

      Disse tudo Gabrig! Além de muito bonito pelas belas imagens e de ter um ótimo elenco em total sintonia, uma história simples mas cativante, o filme diverte e transmite essa sensação boa pra quem o assiste, acho que foi uma combinação perfeita de fatores… Abraço e valeu pelo comentário! 😉

  • emerson-ufscar  DISSE:

    A extração do rar está dando erro. Alguém poderia me ajudar?

    • Julian  DISSE:

      Tem que por a senha para extrair, apenas copie e cole a senha que é RMZbyJULIAN e creio que vai dar tudo certo, caso contrário o jeito é baixar os arquivos de novo pois algum pode ter se corrompido no download. 😉

  • Julkm  DISSE:

    Obrigado Julian!!!

PARTICIPE DA DISCUSSÃO, MAS ANTES DE COMENTAR CLIQUE AQUI E LEIA NOSSAS REGRAS DE COMENTÁRIOS. Saiba que todos os comentários são moderados, nós nos reservamos o direto de publicá-los ou não. É proibido divulgar endereço de sites, blogs, fóruns que não sejam de parceiros ou de colaboradores do Tela de Cinema. Nós não permitimos a publicação de links de arquivos nos comentários, para colaborar acesse o menu do blog e procure pela opção COLABORE CONOSCO, ou clique aqui. Nós não recomendamos a divulgação de emails nos comentários, faça isso por sua conta e próprio risco.