A CASA DAS ALMAS PERDIDAS (Dublado) – 1991

“The Haunted” (EUA) – 1991
DRAMA – HORROR
DIREÇÃO: Robert Mandel
IMDb: 6,5 http://www.imdb.com/title/tt0102007/

Image

DUBLAGEM CLÁSSICA – REUPADO

Postado por Flavius Belisarius

Image

Formato: AVI
Qualidade: VHSRip
Tamanho: 395 MB
Duração: 87 min.
Legendas: S/L
Áudio: Português
Servidor: Mega (dividido em 4 partes)
Uploader: Flavius Belisarius

Image

Parte 1: A CASA DAS ALMAS PERDIDAS

Parte 2: A CASA DAS ALMAS PERDIDAS

Parte 3: A CASA DAS ALMAS PERDIDAS

Parte 4: A CASA DAS ALMAS PERDIDAS

Image

Image

Baseado em fatos reais: A história se passa em meados da década de 1980, quando a família Smurl, da Pensilvânia, começa a notar algo de estranho acontecendo em sua casa. Inicialmente, nenhum dos Smurls acreditava em forças sobrenaturais, até que a vida deles começou a ser infernizada por espíritos que destruiam as louças e atormentavam a família. Desesperados, eles decidem procurar a mídia para que alguém possa oferecer ajuda.

Image

Image

Sally Kirkland … Janet Smurl
Jeffrey DeMunn … Jack Smurl
Louise Latham … Mary
George Wallace … John
Joyce Van Patten … Cora Miller
William O’Connell
Stephen Markle … Ed Warren
Diane Baker … Lorraine Warren
Cassie Yates … Dorie
Allison Barron … Katie

Image

Image

O filme é baseado no livro “The Haunted: One Family’s Nightmare”, do jornalista Robert Curran. A narrativa é baseada no testemunho de 28 pessoas, inclusive os moradores da casa, que sofreram eventos sobrenaturais ligados à assombração. Estranhamente, a família Smurl continua a viver na local.

Image

3 comentários para A CASA DAS ALMAS PERDIDAS (Dublado) – 1991

  • Wagner S.  Disse:

    Muito obrigado ao Flavius Belisarius pelos novos links 🙂

  • Uilian  Disse:

    Filme otimo, vlw Flavius Belisarius

  • Mel Cruciol  Disse:

    Eu Assisti…E Recomendo!

    Filme muito bom… Dá até para tomarmos uns sustos!

    O filme é bem focado,no estilo “Poltergeist”.
    Recomendo para qualquer pessoa que tenha gosto por esse estilo.
    Filme com realidade, e uma ótima história.

    Obrigada pelo Post!

Deixe uma resposta